segunda-feira, 26 de agosto de 2019

Nem gregos nem troianos tem se agradado das atuações do ataque da Seleção Coiteense

(Ué com a bola) Três jogos com atuações apagadas, dupla de ataque coiteense é alvo de critica pela torcedores
A seleção coiteense começou o Intermunicipal 2019, com um ataque diferente dos últimos anos, Baloteli e Ué, estes, vieram para Coité com muita festa nas contratações, na rede social, membros da diretoria da Liga Coiteense de Futebol comemoram como um golaço, esquecendo eles que futebol é jogado ou porque não conhece mesmo.

Após os jogos de ida da primeira fase, esse futebol divulgado não apareceu, a dupla foi substituída em todos os jogos. O que está acontecendo, esses jogadores não tem todo potencial declarado por quem contratou, ou os mesmos contratantes tem pressionado a ponto de afetar o rendimento dos atletas?